Dica De Filosofia 27

A fina arte de frango super fácil Dicas de som da banda

No momento do cálculo de um indicador da comercialização média da produção na empresa agrícola normalmente não consideram (não inclua nem na mercadoria, nem na produção grossa) os tipos da não-mercadoria de produção geralmente (feno, palha, um silo, uma forragem verde, etc.).

Os preços de produção e vendas de produto chamam-se como os preços da produção. Do ponto de vista econômico de preços representam o preço de todos os materiais gastos e serviços. O motivo principal de atividade de qualquer firma em condições de mercado – maximizando lucro. As verdadeiras oportunidades da realização deste objetivo estratégico em todos os casos limitam-se a preços de produção e exigência da produção lançada pela firma. Em casos concretos (um lucro de lugar no mercado, luta competitiva, etc.) a firma pode ir para a redução temporária em lucro, e até perdas. Mas a firma de longo tempo não pode existir sem lucro porque não estará na luta competitiva. Como preços é o limitador principal do lucro e fator ao mesmo tempo principal que influi no volume de oferta, tomada de decisão pela gestão de firma é impossível sem a análise de preços já disponíveis da produção e o seu tamanho na perspectiva.

– preços de cima (despesas que não podem contar com um produto a conta direta, por isso, participa no preço principal um caminho indireto – na proporção a um salário de funcionários de produção – utilidade, publicidade, transporte, um salário a estrutura operacional, etc.).

A produção grossa da agricultura prevê-se em um método de uma volta grossa, que é como a soma de produtos crus de crescimento de fábrica e pecuária. A produção que não sofreu o processamento em outros ramos, por exemplo grão, beterraba de açúcar, sementes de girassol, verduras cruas, frutos, leite pertence à produção primária crua da agricultura.

A produção grossa do ramo material de uma economia nacional está destinada como o produto cumulativo deste ramo criado para certo período de tempo. Determinando a produção grossa da agricultura e outros ramos da produção de mercadorias é necessário limitar, em primeiro lugar, exatamente a produção de cada ramo e especificar a manutenção de um produto cumulativo de ramos nas condições das suas relações mútuas internas e externas abrangentes. Todos os ramos no decorrer da produção unem-se um com outro: o produto de uma produção ou um ramo durante o período que o volume de um produto cumulativo empreende, consome-se como matéria prima em outro ramo desta empresa ou outras empresas, isto é faz certa revolução.

Os resultados de toda a atividade da empresa refletem-se no preço principal: nível de produtividade de culturas e eficiência de animais, produtividade de trabalho, despesa econômica de recursos materiais, ponto de especialização e concentração de produção, uso de realizações de progresso científico e técnico. Por mais o preço principal que não mostre como a rentabilidade de modificações de produção, e não pode servir de um indicador sintético da sua eficiência.

Para caracterizar a eficiência econômica da produção agrícola, use um número de indicadores. O mais significante deles é rentabilidade que em uma visão geral caracteriza a rentabilidade do trabalho da empresa.

O produto cumulativo definido como a soma simples de produtos de vários ramos interligados no decorrer da produção, que é com a inclusão da volta mútua que ocorre entre eles representa uma volta grossa.

A estatística tem de fornecer correto embeber da produção grossa e a característica de distribuição e vendas de produto segundo os seus conteúdos econômicos e as interrogações de consumidor crescentes.

As finanças das empresas (organizações) - entidades econômicas representam as relações financeiras expressas em uma forma monetária, que surge em educação, distribuição e uso de fundos monetários e acumulação no processo de produção e realização de mercadorias, realização do trabalho e dá vários serviços.

Na ciência econômica moderna aceita-se para entender qualquer atividade de membros da sociedade do uso de recursos naturais como produção. Os recursos naturais também juntam recursos da pessoa. O objetivo de uma atividade de produção é criação necessária para certo membro de sociedade e sociedade no general dos benefícios materiais e não materiais.